Novo filme do Scooby-Doo ganha primeiro trailer

6 de setembro de 2019

Artista responsável pela HQ censurada na Bienal do Livro se pronunciou sobre a decisão do prefeito do Rio de Janeiro

A pedido do prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB-RJ), agentes de fiscalização da prefeitura estiveram nesta sexta-feira, 6 de setembro, na Bienal do Livro, notificando expositores e lacrando livros que não seriam 'adequados ao público infantil' por apresentar conteúdo sexual ou temática LGBT.

A decisão foi tomada após o prefeito considerar como imprópria a HQ "Vingadores - A Cruzada das Crianças", graphic novel da Marvel lançada no Brasil em 2016 pela editora Salvat. Porém, não é verdade o que afirma Marcelo Crivella.

A história, que não é voltada para crianças, não mostra nenhum tipo de cena explícita ou conteúdo pornográfico. Em uma das páginas consta um beijo gay em uma cena protagonizada por um casal homossexual (imagem abaixo), e este seria o real motivo da decisão.


Em suas redes sociais, Jim Cheung, artista responsável pela arte da HQ, disse que recebeu com muita surpresa a notícia sobre a proibição da venda do livro por suposto material inapropriado. Ele destaca que a obra foi lançada originalmente em 2010, questionando o que levou o prefeito a criar polêmica com uma graphic novel com quase uma década e que já estava à venda há muitos anos.

Cheung diz que não havia motivação ou agenda oculta na HQ para a promoção de um estilo de vida específico, nem no direcionamento de um público único. O ilustrador reforça que sua obra não tem viés ideológico, mas que se posiciona a favor da comunidade LGBTQ. A cena apenas descreve um momento de ternura entre dois personagens que estão em um relacionamento estabelecido.

O artista finaliza o texto desejando que o público brasileiro veja além desse 'barulho' político, colocando foco nas maneiras de se unir, ao invés de ajudar a semear as sementes do conflito e da divisão. Confira a íntegra do comunicado abaixo:



Ver essa foto no Instagram

Teddy & Billy (2019) . It was with great surprise today, to learn that the mayor of Rio de Janeiro decided to ban the sale of my (and Allan Heinberg's) book, Avengers:The Children's Crusade, for alleged inappropriate material. . For those not familiar with the work from 2010, the controversy involves a kiss between two male characters. . Now I don't know what prompted the mayor to seek out a work that is almost a decade old, and that had already been on sale for many years, but I can say honestly, that there was no hidden motivation or agendas behind the work in promoting any particular lifestyle, nor targeting any unique audience. The scene merely depicts a tender moment between two characters who are in an established relationship. . As an artist, my passion is to tell stories; stories of great heroism, compassion and love, with as authentic and diverse characters as possible. Characters that depict every walk of life and color, whether they be black or white, brown, yellow or green. . The fact that this book, from almost a decade ago, is now being drawn into the spotlight by the mayor perhaps only highlights how out of touch he might be with the current times. The LGBTQ community is here to stay, and I have nothing but love and support for those who continue to struggle for validity and a voice to be heard. . I hope the beautiful people of Brazil, the wonderfully diverse and proud nation, will see through this political 'noise' and place their focus on the light, and on ways to unite, rather than help sow the seeds of conflict and division . #TeddyAltman #Hulkling #BillyKaplan #Wiccan #YoungAvengers #AvengersChildrensCrusade #MarvelComics #Marvel #Comics #MCU #pencils #pencildrawing #process #JimCheung #LoveNotHate #LGBTQ
Uma publicação compartilhada por Jim Cheung (@jimcheungart) em

4 comentários:

Rodrigo disse...

Não foi censurado, foi "intimado" a usar a embalagem de acordo com a lei do ECA.

Dolarfly Ganhe Dinheiro Com Encurtadores De Links disse...

Essa lei também "intimou" o Maurício de Sousa a usar embalagem na revistas da Turma da Jovem onde aparece na capa a Mônica e o Cebola se beijando? Conta outra!

Anônimo disse...

Não pode censurar, mas tem que controlar a venda SIM! Esse tipo de conteúdo não pode ficar ao alcance de crianças menores.

Dolarfly Ganhe Dinheiro Com Encurtadores De Links disse...

Não é um material para crianças e a tal imagem nem aparece na capa. Se esse prefeito preconceituoso acha impróprio um beijo, então que proíba os menores de 18 anos de namorar.

Postar um comentário